Início » Os 7 Melhores Violões até 2000 Reais em 2022

Os 7 Melhores Violões até 2000 Reais em 2022

Olá, colega das seis cordas! Achar o violão ideal não é uma missão fácil. Afinal, há muitas opções no mercado, o que acaba nos deixando em dúvida. Então, o artigo de hoje servirá de auxílio à sua pesquisa, pois aqui vamos analisar os melhores violões até 2000 reais.

Dessa forma, a nossa equipe selecionou sete modelos de diferentes marcas e configurações, destacando os prós e contras de cada um. Além disso, explicamos os pontos que você deve levar em consideração antes de comprar um novo violão.

Então, chega de delongas, vamos ao que interessa!

Melhores violões até 2000 reais para comprar online

Antes de mais nada, confira a seguir a nossa tabela comparativa com alguns dos melhores violões até 2000 reais disponíveis atualmente no mercado. Note que pontuamos a principal qualidade de cada exemplar para facilitar a comparação inicial. 

1. Violão Aço HD100 CE – Crafter

Violão Aço HD100 CE - Crafter

✅ Marca renomada

✅ Modelo folk

✅ Com captação

✅ Bom timbre

🚫 Tampo laminado




Começamos as nossas análises com esse modelo folk da Crafter, que é bastante tradicional e especializada no segmento de violões. 

Com cordas de aço, o instrumento possui uma bela seleção de madeiras: tampo de spruce, lateral e fundo de sapele e braço de mogno. Por sua vez, a escala e o cavalete são de EboTechTM, enquanto as tarraxas são blindadas e cromadas.

O acabamento na versão natural conta com verniz acetinado, que garante que os poros da madeira não se fechem totalmente. Assim, o timbre é bem aberto, mas sem deixar a desejar nas frequências graves. 

Além disso, o modelo tem pegada confortável e apresenta sistema de captação, possibilitando que o músico faça shows com bastante praticidade. Nesse sentido, o pré oferece quatro bandas de equalização e afinador embutido.

Enfim, esse é um dos melhores violões eletroacústicos até 2000 reais. Se ele possuísse pelo menos o tampo maciço, seria ainda melhor – no entanto, é difícil os produtos da faixa de preço citada terem esse tipo de construção. 

2. Violão Nylon Brasil NLS CEDR – Giannini

Violão Nylon Brasil NLS CEDR - Giannini

✅ Cordas de nylon

✅ Belo custo-benefício

✅ Produção nacional

✅ Tampo maciço

🚫 Som elétrico não é dos mais naturais



Aos que curtem a sonoridade das cordas de nylon, esse exemplar da histórica empresa nacional Giannini é uma boa opção de compra.

Antes de mais nada, é importante frisar que esse violão é feito totalmente com madeiras e mão de obra brasileiras. Assim, apresenta tampo sólido de marupá, com o restante do corpo feito de cedro laminado. Já a escala é de pau-ferro, e o braço é de cedro. Para completar, o cutway facilita o acesso às últimas casas.

Ainda tem tarraxas blindadas douradas e sistema de captação com equalização de três bandas e afinador. O som natural do instrumento é macio e delicado, com belo brilho e ressonância bem pronunciada devido ao tampo de madeira maciça. Já plugado, o timbre é satisfatório, porém o sinal é um pouco artificial, diferente do acústico. 

O preço é atraente, fazendo desse modelo um belo custo-benefício.

3. Violão Aço AD5CE – Washburn

Violão Aço AD5CE - Washburn

✅ Modelo folk

✅ Visual arrojado

✅ Timbre equilibrado

✅ Com captação

🚫 Tampo laminado




Logo de cara, esse modelo da marca internacional Washburn chama a atenção pelo visual arrojado, com detalhes que fazem a diferença no acabamento.

Conta com encordoamento de aço e tampo de abeto laminado, laterais e fundo de mogno e escala de jacarandá. O nut Graphtech é autolubrificante, melhorando a estabilidade da afinação. Por fim, as tarraxas são do tipo diecast e o instrumento tem captação, que apresenta quatro botões de ajuste de frequências e afinador integrado.

Como é de se esperar de um violão folk, o timbre é bem equilibrado, com volume final agradável. Porém, novamente, o tampo maciço faz falta para obter corpo sonoro extra. 

4. Violão Nylon SC35C N – Strinberg

Violão Nylon SC35C N - Strinberg

✅ Cordas de nylon

✅ Som convincente

✅ Com captação

🚫 Design não é dos mais harmoniosos


A Strinberg sempre aparece na lista das melhores marcas de violão em custo-benefício. Por isso, não poderia faltar um instrumento da empresa em nosso artigo.

De formato clássico com cutway, o modelo tem cordas de nylon, braço de nato, escala e cavalete de blackwood. O corpo é de rosewood, com tampo laminado de cedro. O acabamento é natural brilhante, com direito a tarraxas douradas de borboletas pretas. Para fechar, o sistema de captação apresenta equalização de quatro bandas e afinador. 

Dessa forma, o violão não apresenta grandes defeitos, entregando conforto ao toque e um som delicado bem convincente. Assim, cai bem para MPB, bossa nova e peças eruditas. O design talvez não seja o mais harmônico para os olhos de algumas pessoas, porém o instrumento não deixa de ter seu charme.

5. Violão Aço Akira – Seizi

Violão Aço Akira - Seizi

✅ Cordas de aço

✅ Visual moderno

✅ Pegada confortável

✅ Com captação

🚫 Projeção limitada




Mais uma marca brasileira em nossa lista. Agora, é a vez de conhecermos um exemplar da Seizi, com cordas de aço

Esse modelo tem o acabamento de poros abertos na cor preta, que confere um visual bem moderno. Além disso, note que o cutway tem um formato mais arredondado, com design diferenciado também. 

Falando dos materiais, o instrumento possui mogno laminado para todo o corpo, okoume para o braço e technical wood para a escala. As tarraxas são diecast cromadas. O produto acompanha bag de transporte.

Aqui, o timbre acústico responde bem em todas as frequências. Porém, devido à falta de um tampo sólido, a projeção não é das mais altas. O sistema de captação, por sua vez, possibilita a conexão com caixas de som externas, oferecendo afinador e quatro bandas de equalização. O formato do braço é confortável. 

6. Violão Aço PF15NT – Ibanez

Violão Aço PF15NT - Ibanez

✅ Modelo folk

✅ Visual clássico

✅ Marca conceituada

✅ Pegada precisa

🚫 Sem captação




Se você gosta de um violão com a aparência a mais clássica possível, esse modelo da renomada marca Ibanez é uma bela opção.

No formato folk e com acabamento natural, o instrumento tem um som acústico encorpado, mas sem perder o brilho. Assim, cai muito bem para ritmos com palheta e a técnica fingerstyle, entre outras abordagens. Em contrapartida, não tem sistema de captação. 

Apresenta tampo laminado de spruce, corpo de okoume e braço de nyatoh, com escala e cavalete de laurel. As tarraxas são cromadas e do tipo diecast. O braço não é grosso demais, fornecendo uma pegada precisa. O acabamento é bem caprichado também. 

Considerando todas as características, esse é um bom instrumento, sem dúvidas. Porém, pelo preço, o fato de não ter captador acaba se configurando como um ponto negativo. 

7. Violão Nylon AC120 CE – Cort

Violão Nylon AC120 CE - Cort

✅ Boa seleção de madeiras

✅ Formato clássico

✅ Com captação

✅ Cordas D'Addario

🚫 Som elétrico nasal





Para fechar, mais um violão com cordas de nylon em nossa lista. A fabricante Cort é mundialmente reconhecida por unir qualidade de construção a preço justo. 

Esse violão eletroacústico com cutway tem formato clássico, tampo de spruce, corpo e braço de mogno, com escala e cavalete de rosewood. As tarraxas são as clássicas cromadas, enquanto o pré-amplificador possui três bandas de equalização com afinador integrado. Ah, as cordas de fábrica são D’Addario. 

A ressonância e o volume natural desse violão são bastante agradáveis, com notas bem definidas e uma sonoridade quente. O timbre elétrico, por sua vez, tem uma característica um pouco nasal que pode incomodar os ouvidos mais exigentes. 

Para que serve o violão até 2000 reais?

O violão é classificado como um instrumento acústico de cordas e surgiu a partir do alaúde árabe e da cítara romana. Assim, tem um braço com trastes, dividindo a escala em semitons. Em outras palavras, o instrumento utiliza o sistema de afinação temperado. 

Em sua versão mais popular, o violão tem seis cordas e um corpo oco. Quando tocado, o som ressoa e ganha projeção. O violão é bastante democrático, pois é portátil, acessível e fácil de aprender, além de permitir tanto a execução de partes harmônicas quanto melódicas.

Nesse contexto, um violão de até 2000 reais é indicado para músicos intermediários ou iniciantes dispostos a ter um instrumento confiável. Nessa faixa de preço, os modelos costumam ser bem acabados, com materiais de qualidade e a presença de sistema de captação. Dessa forma, o músico pode utilizar o violão em apresentações ao vivo e até em gravações em linha. 

No entanto, é preciso possuir expectativas realistas. Por isso, tenha em mente que, com o orçamento de 2000 reais, atualmente é difícil conseguir um instrumento com madeiras sólidas. Ou seja, exemplares de nível profissional e com sonoridade diferenciada ultrapassam bastante esse valor, ok?

Como escolher o melhor violão até 2000 reais

Definitivamente, adquirir um novo violão não é tarefa das mais simples. Exige pesquisa, conhecimento técnico e um pouco de fé – principalmente se não podemos testar o instrumento antes da compra.

Portanto, para te auxiliar nessa tarefa, em seguida trazemos uma clara e concisa explicação dos aspectos básicos que diferenciam os modelos presentes no mercado. Dessa maneira, você terá mais embasamento para tomar a sua decisão. 

Tipo

Geralmente, os violões podem ser acústicos ou eletroacústicos. O primeiro grupo não apresenta sistema de captação, portanto é mais indicado para quem não pretende se apresentar ao vivo. Em outras palavras, se você só toca em casa ou em pequenas reuniões de pessoas, um violão acústico é uma opção muito válida.

Em contrapartida, se você faz shows ou gravações em linha, é interessante escolher um modelo de violão que tenha sistema de captação. Assim, a sua performance será facilitada, já que é possível conectar o instrumento diretamente via cabo a aparelhos como mesas de som, amplificadores e interfaces de áudio, entre outros. 

Se você optar por um violão eletroacústico, observe a ficha técnica e as fotos do produto para verificar quais os controles presentes no pré-amplificador. Quanto mais recursos de ajuste, mais versatilidade você terá para lapidar o som do violão plugado. 

Cordas

Nesse quesito, a escolha acaba sendo fácil, isso porque temos apenas duas opções: cordas de nylon e de aço.

Nesse sentido, o encordoamento de nylon fornece uma pegada mais suave, com sonoridade doce e macia. Assim, é indicado principalmente para quem curte tocar com os dedos e ouve bossa nova, MPB e música erudita, por exemplo.

Por outro lado, o encordoamento de aço cai como uma luva para pop, rock, blues, worship e fingerstyle. Funciona muito bem para ritmos com palheta em função da sonoridade brilhante e metálica. Porém, tem a tendência de ser mais dura ao toque. 

Então, pense bem a respeito da sua preferência e de quais estilos gostaria de tocar com o violão, ok?

Material

Quando falamos do melhor tipo de construção para instrumentos acústicos, não há para onde fugir: os de madeira sólidas são superiores. Resultado disso, a sonoridade é mais ressonante e encorpada, com maior volume final também. No entanto, esse tipo de construção é caro e fica reservado para instrumentos de ponta.

Ao mesmo tempo, é comum encontrarmos violões com laterais e fundo laminados, porém com o tampo maciço. Dessa forma, o timbre ganha mais robustez e o produto não fica tão caro. Porém, isso não quer dizer que um instrumento todo laminado seja ruim – ele apenas terá um timbre mais simples do que os citados anteriormente.

Nesse contexto, anote aí alguns tipos de madeiras que funcionam muito bem para a construção de violões: mogno, rosewood, nato, sapele, spruce, maple, koa e linden. Então, se um violão possuir esses materiais, já é um indicativo positivo.

Perguntas frequentes

Qual o violão com melhor custo-benefício?

Várias marcas de violão se destacam pelo bom custo-benefício. Assim, podemos citar Crafter, Giannini, Washburn, Strinberg, Seizi, Ibanez e Cort, que tiveram modelos analisados aqui neste artigo. 

Qual o melhor violão barato?

Os violões acústicos com cordas de nylon são os mais populares entre os iniciantes, devido ao baixo preço e conforto ao toque. Dessa forma, algumas das marcas que fabricam violões bons e baratos são Tagima, Strinberg, Giannini, Memphis, Hofma e Michael, entre outras.

Qual o melhor violão para se comprar?

Na prática, o melhor violão é aquele que seu dinheiro pode pagar. Então, estabeleça um orçamento limite e faça uma boa pesquisa. Depois, selecione os melhores modelos possíveis e analise as características técnicas de cada um, conforme explicamos neste artigo. 

Como saber se o violão é bom?

Obrigatoriamente, um bom violão deve ter timbre agradável, afinação precisa e pegada confortável. Dessa forma, é possível encontrar instrumentos de qualidade em variadas faixas de preço – basta pesquisar e testar o modelo com atenção. 

Qual a marca de violão mais cara?

Alguns dos violões mais caros do mundo são feitos manualmente por artesãos, porém, considerando as grandes marcas, é possível dizer que Martin, Taylor e Gibson possuem modelos de nível altamente profissional, com valores bem elevados. 

Qual a diferença entre violão com cordas de nylon e de aço?

As cordas de nylon são macias ao toque e têm um som doce e delicado, caindo bem para dedilhados. Já as de aço são mais duras, com timbre brilhante e metálico, funcionando muito bem para levadas rítmicas com palheta. 

Conclusão: qual o melhor violão até 2000 reais

E aí, curtiu a nossa lista dos melhores violões até 2000 reais? Temos a certeza de que, em posse de todas essas informações, você está mais do que capacitado para fazer uma escolha certeira. Porém, aguarde um instante antes de bater o martelo, pois agora é o momento do resumo do artigo de hoje!

Se você prefere um som mais brilhante e metálico, recomendamos os seguintes modelos: Crafter HD100 CE, Washburn AD5CE, Seizi Akira e Ibanez PF15NT. Com exceção do último, todos possuem sistema de captação, ok? As demais características são similares. Dessa forma, a escolha fica a seu critério, pois qualquer um deles está entre os melhores violões de aço até 2000 reais. 

Já aos que curtem um timbre mais macio e delicado, indicamos os violões Giannini Brasil NLS CEDR, Strinberg SC35C N e Cort AC120 CE. O primeiro acaba saindo na frente, pois tem tampo maciço e um preço mais em conta. Porém, com qualquer um deles, você estará bem servido, já que os três estão entre os melhores violões de nylon até 2000 reais disponíveis no mercado atualmente.

Foi um prazer contar com a sua companhia. Esperamos que as análises tenham te ajudado! Desejamos sorte na compra e muita diversão com o seu novo violão.

Grande abraço, até a próxima! 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.