Início » As 4 Melhores Palhetas Para Violão em 2022

As 4 Melhores Palhetas Para Violão em 2022

Você sabia que uma palheta inadequada pode dificultar o aprendizado e prejudicar o timbre do instrumento? Pois é, pensando nisso, preparamos este artigo especial com algumas das melhores palhetas para violão disponíveis no mercado. 

Nesse sentido, você vai conferir uma tabela comparativa dos modelos selecionados e uma análise detalhada de cada produto. Além disso, também explicamos em detalhes os aspectos essenciais que diferenciam uma palheta de outra – tudo para que a sua escolha seja a mais fácil e certeira possível. 

Agora que fizemos essa pequena introdução, chegou a hora de mergulhar de cabeça no mundo das palhetas. Venha conosco, pois tem muita informação boa por aqui!

Melhores palhetas para violão do mercado

Antes de tudo, dê uma olhada na nossa tabela comparativa com algumas das melhores palhetas para violão do mercado. 

1. Palhetas para violão PVP112 – Jim Dunlop

Prós

Contras

✅ Kit com 12 palhetas

✅ Diferentes materiais e espessuras

🚫 Formato e tamanho não diferem muito entre os modelos

A Dunlop é simplesmente uma das maiores fabricantes de acessórios para instrumentos de corda do planeta. Por isso, não poderiam faltar palhetas da marca em nossa seleção. 

Esse pacote com 12 unidades é produzido nos Estados Unidos e traz uma seleção de palhetas de diversos materiais e espessuras. Além disso, os modelos foram escolhidos pensando justamente em violões. 

Aqui você vai encontrar praticamente de tudo: palhetas de nylon, ultex e celuloide, que vão de 0,5 a 0,88 mm de espessura. A disponibilidade de cores também é grande, agradando ao gosto dos mais variados músicos. Em outras palavras, é uma excelente opção de compra para quem quer comparar palhetas diferentes até achar uma favorita. 

Embora os materiais sejam distintos, repare que o formato e tamanho das palhetas não diferem muito entre os modelos do pacote. Em relação ao preço, podemos dizer que é bastante justo.

2. Palhetas para violão – MXT

Prós

Contras

✅ Boa durabilidade

🚫 Impressão de baixa qualidade

✅ Som encorpado

As palhetas MXT foram desenvolvidas pensando em alta durabilidade. Esse pacote específico contém 5 palhetas iguais, feitas de plástico celuloide com 1,5 mm de espessura, que podem ser usadas em violões, guitarras e baixos.

Consideradas de espessura média para grossa, essas palhetas caem muito bem para solos, mas deixam a desejar quando o assunto é levadas rítmicas. Isso porque elas têm um ataque acentuado, que acaba sujando o som do violão quando fazemos batidas. Outro ponto negativo é a baixa qualidade da arte impressa. 

Por outro lado, o som é encorpado e com ótimo ataque. O preço também é outro fator interessante do produto.

3. Palhetas para violão Johnny Cash – Jim Dunlop

Prós

Contras

✅ Vários tamanhos e formatos

🚫 Acabamento irá se desgastar com o uso

✅ Colecionáveis

Mais um produto da Dunlop, mas desta vez personalizado. Em homenagem ao grande músico Johnny Cash, esse jogo conta com palhetas de espessura média com diferentes formatos e tamanhos. 

De origem americana, a lata estilizada possui 6 unidades com artes inspiradas em Cash, sendo ideal para fãs que curtem colecionar produtos do artista. Vale citar que o material é celuloide, que é ótimo para a fabricação desse tipo de acessório. 

O preço é justo considerando o capricho no acabamento do produto, porém chega a dar dó de usar essas palhetas tão bonitas no dia a dia.

4. Palhetas para violão de celuloide – BHDD

Prós

Contras

✅ Ótimo custo-benefício

🚫 Não há variedade de tamanhos e espessuras

✅ Kit com 50 unidades

Se você é daqueles que perdem palhetas com frequência, esse kit pode cair como uma luva para a sua realidade. 

Olha só que legal: esse pacote contém nada menos do que 50 palhetas por um preço bastante interessante. São de plástico celuloide, o que garante o timbre neutro e bem definido, além da pegada confortável. 

As cores são extremamente variadas, mas tenha em mente que todas as palhetas têm o mesmo formato e tamanho.

Para que serve a palheta para violão?

A palheta é um acessório feito especialmente para tocar instrumentos de corda, como violão, guitarra e até contrabaixo. Ou seja, em vez de tocar com os dedos, o músico geralmente segura a palheta com o indicador e o polegar, atacando as cordas com ela. Isso gera firmeza e um ataque mais pronunciado, facilitando bastante a execução de algumas técnicas. 

Normalmente, uma palheta possui formato triangular com bordas arredondadas, mas existem outros modelos no mercado. O acessório pode ser feito de diversos materiais, espessuras e tamanhos, características essas que impactam diretamente o timbre e a tocabilidade do instrumento. Além disso, há produtos com diferentes cores e acabamentos, incluindo edições especiais para colecionadores. 

As palhetas geralmente são produtos baratos, fator que facilita a compra de vários modelos para testes comparativos e diferentes aplicações. No entanto, como são pequenas, é normal os músicos as perderem com certa facilidade. Por isso, sempre tenha palhetas reservas à disposição.

Como escolher a melhor palheta para violão 

Muita gente não dá a devida atenção às palhetas, mas não se engane: elas podem ser muito diferentes entre si. Dependendo das características, a palheta pode se sair bem em uma aplicação específica e mal em outras. Para completar, uma palheta inadequada pode prejudicar o timbre do instrumento e até o conforto do músico. Chato, né? 

Há músicos que demoram anos para encontrar a palheta ideal e, quando a acham, não trocam nunca mais. Para que você faça parte desse time, em seguida explicamos detalhadamente os principais aspectos a serem observados ao comprar uma palheta para violão e guitarra.

Espessura

Antes de mais nada, é importante ter em mente que as palhetas para violão e guitarra normalmente têm entre 0,3 e 3,0 mm de espessura. Ok, mas o que isso significa na prática? 

Vamos lá: palhetas mais finais são bastante maleáveis. Em outras palavras, elas se “dobram” com facilidade ao entrar em contato com as cordas, gerando um som bem limpo e fluido. Isso é ótimo para levadas rítmicas de violão, por exemplo. Já para solos, porém, esse tipo de palheta não gera muita precisão. Falando de timbre, as palhetas finas têm um som mais brilhante e magro. 

Já palhetas mais grossas contam com uma sonoridade mais encorpada e ataque elevado. Isso é ótimo para solos ou bases distorcidas de guitarra, mas longe de ser o ideal para batidas de violão, por exemplo. Por não se dobrarem com facilidade, as palhetas grossas têm um som mais sujo e duro para acordes. 

Se você está começando, recomendamos fortemente que você escolha uma palheta com espessura média. Ou seja, entre 0,6 e 1,0 mm. Dessa forma, você vai ter naturalidade nas levadas de violão ao mesmo tempo em que conseguirá fazer solos de maneira satisfatória.  

Material

Em seguida, confira os principais materiais de palheta para violão e guitarra: 

Plástico 

Esse é o material mais comum na confecção de palhetas para instrumentos musicais de cordas, podendo ser de nylon e celuloide, entre outros tipos. Possui um som bem neutro e boa resistência, além de preço atraente, sendo a melhor palheta para tocar violão.

Madeira

As palhetas de madeira são mais exóticas e, por isso, contam com preço elevado. Possuem um timbre com menos brilho que as de plástico, por exemplo.

Metal

Esse material não é muito comum e possui um timbre bastante característico, mais agudo e brilhante que as de plástico. O preço também costuma ser maior, assim como a resistência. 

Vidro

As palhetas de vidro também possuem um som bastante próprio, encorpado e mais abafado, além de uma construção bastante detalhada. São relativamente difíceis de achar.

Pedra 

Muito raras, as palhetas de pedra geram um som bastante estridente. São pouquíssimo usadas por músicos profissionais, sendo mais um produto de coleção.

Formato 

Tenha atenção no formato da ponta da palheta. Alguns modelos têm o “bico” bem pontudo, enquanto outros apresentam a ponta arredondada. 

Palhetas com a ponta fina são bastante adequadas para solos, porque facilitam o ataque às cordas de maneira individual. Já para ritmos, podem gerar um som arranhado não muito agradável. Por sua vez, as palhetas arredondadas são ótimas para levadas rítmicas, pois são mais suaves e aveludadas em sonoridade.

Tamanho

Palhetas grandes facilitam a pegada de quem está aprendendo a tocar, pois não exigem grande esforço para serem seguradas com firmeza. Porém, podem atrapalhar a execução de técnicas mais avançadas e solos velozes. 

Por outro lado, palhetas menores são difíceis de empunhar em um primeiro momento, mas, depois que o músico se adapta, elas proporcionam movimentos econômicos e mais ágeis, facilitando a execução de solos virtuosos, por exemplo. 

Se você ainda está em dúvida, sugerimos que opte pelas palhetas de tamanho padrão, que são um meio-termo entre as duas explanadas anteriormente. 

Perguntas frequentes

Qual é a melhor palheta?

Depende da aplicação. Para bases rítmicas, as palhetas finas são melhores, pois geram um som mais natural e fluido. Para solos, no entanto, as palhetas grossas se sobressaem, porque apresentam grande ataque e precisão.

Como escolher a palheta para violão?

Analise os seguintes aspectos antes de comprar uma palheta: material, espessura, formato e tamanho. Se você é iniciante, recomendamos uma palheta de plástico com espessura média, entre 0,6 e 1,0 mm, que se sai bem tanto para batidas quanto solos. Esse é um dos melhores tipos de palheta para violão de nylon e aço.

Qual o melhor material para palheta de violão?

O plástico é o material mais comum para palhetas de violão. Além disso, possui um som bastante natural e boa resistência, sendo o tipo de palheta mais usado no mundo.

Qual palheta os guitarristas usam?

Normalmente, os guitarristas optam por palhetas mais grossas, que geram bastante conforto e precisão para solos e outras técnicas específicas do instrumento.

Qual palheta é melhor para tocar guitarra?

Se você toca guitarra, dê preferência para as palhetas de plástico com pelo menos 1,0 mm de espessura. Dessa forma, você terá um ótimo ataque às cordas, com um som bem definido também.

Qual a melhor marca de palheta para violão?

Muitas empresas se sobressaem no mercado de acessórios para guitarra, incluindo Dunlop, D’Addario e Fender. Essas fabricantes estão entre as melhores marcas de palheta para violão e guitarra.

Qual a melhor palheta para violão de aço ou de nylon?

Não há grandes diferenças ao escolher uma palheta para violão com cordas de nylon ou aço. O raciocínio é o mesmo: palhetas mais finas são ótimas para levadas rítmicas, enquanto as grossas caem muito bem para solos.

Conclusão: qual a melhor palheta para violão

E aí, curtiu nosso conteúdo especial sobre algumas das melhores palhetas para violão disponíveis no mercado? Então vamos a um pequeno resumo! 

Para quem busca palhetas muito bem construídas e deseja ter variedade de opções, recomendamos fortemente as palhetas Jim Dunlop para violão – PVP112. Isso porque o produto é feito nos Estados Unidos e vem com unidades de diversos materiais e espessuras. Essa é uma das melhores opções de compra de palhetas para violão. 

Já se você prefere palhetas mais grossas, dê uma olhada na marca MXT, cujo pacote aqui analisado traz unidades de 1,5 mm de espessura. Em contrapartida, se você curte palhetas colecionáveis, o kit Jim Dunlop Johnny Cash é muito bacana. 

Por último, para quem deseja grande quantidade de palhetas a um preço mais baixo, o kit de 50 unidades da marca BHDD é um prato cheio. Trata-se de um dos melhores custo-benefício quando o assunto é palhetas para violão. 

É isso, meus amigos. Por hoje, ficamos por aqui! Até a próxima. Um abraço e muitas palhetadas!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.