Início » Os 6 Melhores Violões de Nylon em 2022

Os 6 Melhores Violões de Nylon em 2022

Os violões com cordas de nylon têm um charme muito especial. Sonoridade delicada, visual clássico e tocabilidade macia são algumas das principais qualidades desse tipo de instrumento. Se você está procurando um violão com essas características, seja bem-vindo ao nosso artigo sobre os melhores violões de nylon presentes no mercado. 

Selecionamos 6 modelos de diferentes fabricantes e faixas de preço. Dessa forma, você terá um amplo leque de opções, podendo escolher o exemplar que melhor se encaixar na sua realidade. 

Analisamos as características dos violões, destacando os pontos fortes e fracos de cada um. Para completar, explicamos com detalhes alguns aspectos muito relevantes que devem ser observados com atenção na hora de comprar um violão.

Melhores violões de nylon para comprar online

A seguir, você vê a nossa tabela comparativa dos melhores violões de nylon do mercado, sendo que os instrumentos estão organizados do preço mais baixo para o mais alto. 

Imagem

Produto

Preço (R$)

Violão N-14N Nat - Giannini

1. Violão N-14N Nat - Giannini

✔️ Bom para iniciantes

Violão Memphis AC-39 Natural - Tagima

2. Violão Memphis AC-39 Natural - Tagima

✔️ Interessante custo-benefício

Violão VMY340 NA - Michael

3. Violão VMY340 NA - Michael

✔️ Sistema de captação

Violão C44CE - Washburn

4. Violão C44CE - Washburn

✔️ Madeiras selecionadas

Violão GC3CE - Takamine

5. Violão GC3CE - Takamine

✔️ Tampo maciço

Violão SLG200N - Yamaha

6. Violão SLG200N - Yamaha

✔️ Som elétrico de alta qualidade

1. Violão N-14N Nat – Giannini

Prós

Contras

✅ Bom para iniciantes

🚫 Visual simplório

✅ Som agradável

✅ Baixo preço

A Giannini é uma das marcas de instrumentos musicais mais tradicionais do Brasil. Com cerca de 120 anos de história, a empresa tem a fama de fabricar ótimos violões com cordas de nylon para iniciantes.

Como exemplo desse know-how da Giannini, abrimos a nossa lista com um dos instrumentos mais populares e democráticos da marca. Pensado para ser uma opção para quem está aprendendo as primeiras notas, o violão Giannini N-14N tem um preço bastante atraente.  

O instrumento possui formato clássico, corpo inteiro de linden, escala de maple com 19 trastes de alpaca e braço de catalpa. O acabamento do tampo foi realizado em verniz brilhante, enquanto as tarraxas são de pino grosso niqueladas.

O violão é apenas acústico, ou seja, não possui captador – mas isso já era de se esperar pelo baixo valor. O instrumento é leve e confortável, além de possuir um timbre bastante agradável. Se você for exigente com o visual do violão, note que esse exemplar pode ter o acabamento muito simples, sem detalhes que chamem a atenção.

2. Violão Memphis AC-39 Natural – Tagima

Prós

Contras

✅ Interessante custo-benefício

🚫 Volume não é dos mais altos

✅ Bom acabamento

✅ Baixo preço

A Tagima é outra marca fundada no Brasil que traz violões de qualidade ao mercado, sendo que a série Memphis tem como objetivo produzir instrumentos com ótimo custo-benefício para iniciantes.

O violão Memphis Tagima AC-39 é apenas acústico e tem a madeira linden presente no braço, laterais, fundo e tampo. A escala, por sua vez, tem 20 trastes e é de rosewood, fornecendo uma pegada macia e confortável. Já as tarraxas têm acabamento na cor dourada.

O som do instrumento é bem equilibrado, apesar de o volume não ser dos mais altos – isso, porém, não é necessariamente um problema para quem estuda em casa, por exemplo.

O acabamento do violão é bastante satisfatório, sendo que a coloração das madeiras utilizadas gera um visual minimalista, sóbrio e convidativo. O valor de mercado é baixo.

3. Violão VMY340 NA – Michael

Prós

Contras

✅ Boa construção

🚫 Som elétrico anasalado

✅ Sistema de captação

✅ Preço justo

A Michael é uma fabricante de instrumentos musicais que tem se destacado bastante nos últimos anos, sendo que os violões da atual geração apresentam bastante qualidade de materiais e construção.

O violão Michael VMY340 tem corpo de linden no formato mini-jumbo, com escala e cavalete de walnut wood. O acabamento natural tem verniz brilhante, que dá um charme extra ao instrumento. A escala tem 22 trastes.

Esse violão é eletroacústico, ou seja, possui um sistema de captação que possibilita a conexão com caixas de som externas. O pré-amplificador apresenta equalização de três bandas de frequência, botão phase e afinador cromático embutido, que facilita muito a vida do músico.

A sonoridade acústica é doce e suave, com bons graves e agudos. Já o timbre elétrico cumpre seu papel, mas apresenta o som um pouco anasalado, que é uma característica comum aos captadores do tipo piezo.

Considerando todas as características apresentadas, o valor de mercado desse violão é bastante justo.

4. Violão C44CE – Washburn

Prós

Contras

✅ Cutway

🚫 Tampo laminado

✅ Sistema de captação

✅ Madeiras selecionadas

Marca norte-americana com mais de um século de tradição na fabricação de instrumentos musicais, a Washburn tem a fama de oferecer ótimos violões a preços intermediários.

Para representar a empresa, selecionamos o modelo eletroacústico C44CE, que conta com formato clássico com cutway, que facilita o acesso às últimas casas da escala. Apresenta madeiras bem selecionadas: tampo de spruce, fundo, laterais e braço de mogno, além de escala de rosewood com 19 trastes.

O nut é um Graphtech Nubone, que ajuda muito na estabilidade da afinação. Já o pré-amplificador tem quatro bandas de equalização e afinador digital embutido.

O som é bem detalhado, com todas as faixas de frequência em harmonia. O ponto negativo do instrumento fica para o tampo, que, devido ao valor do violão, poderia ser de madeira sólida.

5. Violão GC3CE – Takamine

Prós

Contras

✅ Ótima construção

🚫 Preço alto

✅ Sistema de captação

✅ Timbre encorpado

Como um amante de instrumentos acústicos, você bem sabe que a Takamine é uma das melhores marcas de violão do mundo, certo?

O violão Takamine GC3CE é muito completo. Conta com ótima construção, utilizando as seguintes madeiras: tampo sólido de spruce, escala de rosewood com 19 trastes, braço e corpo de mogno, com cutway. Para fechar, o acabamento natural tem uma última camada em verniz brilhante.

O sistema de captação é do tipo de piezo e conta com três faixas de frequência para equalização, além de afinador integrado. O instrumento possui excelente ergonomia e conforto, sem contar a sonoridade encorpada e bem projetada, tanto de forma acústica quanto elétrica.

Trata-se de um violão de nível intermediário para profissional. Por isso, o preço de mercado é mais alto do que o dos anteriores.

6. Violão SLG200N – Yamaha

Prós

Contras

✅ Instrumento leve

🚫 Som acústico muito baixo 

✅ Efeitos embutidos

✅ Som elétrico de alta qualidade

Não poderia faltar um modelo da Yamaha em nossa lista, certo? Afinal, a marca fabrica alguns dos melhores violões profissionais do mundo.

O modelo Yamaha SLG200N integra a linha Silent Guitar e não possui caixa acústica, apenas um contorno com bloco central de mogno. A proposta do instrumento é de praticamente não ter volume acústico e ser utilizado com fones de ouvido ou plugado a caixas externas.  

O instrumento, que é muito leve e confortável, foi criado para músicos profissionais que fazem shows e turnês. O som elétrico é de altíssima qualidade em função da tecnologia SRT, que emula o som de um violão acústico em um instrumento sem corpo. Além disso, estão presentes efeitos de chorus e reverb, leitor de música e afinador.

A qualidade é absolutamente profissional, mas o valor de mercado é alto.

Para que serve o violão de nylon? 

O violão com cordas de nylon tem uma sonoridade bastante particular, delicada e suave, que cai muito bem para dedilhados e levadas rítmicas com os dedos, por exemplo. Esse tipo de encordoamento tem uma pegada macia ao toque, que acaba facilitando muito o aprendizado de músicos iniciantes.

As cordas de nylon são perfeitas para estilos como MPB, samba e erudito, mas estão presentes também em algumas músicas de rock e heavy metal. Geralmente, equipam os violões de formato clássico. Em gravações, casam muito bem com o efeito de reverb, que dá mais profundidade e riqueza ao som original.

Como escolher o melhor violão de nylon

Sonoridade

Muitos fatores afetam o timbre final de um violão, mas as madeiras utilizadas estão no topo da lista. Se você não conhece muito sobre o assunto, aqui vai uma pequena lista de algumas madeiras de boa qualidade para a construção de violões: spruce, sapele, mogno, rosewood, maple, linden e nato.

Outro fator que contribui bastante para a qualidade sonora é o tipo de tampo. Em geral, um violão com tampo sólido terá mais projeção e corpo do que um instrumento com tampo de madeira laminada. O custo do tampo maciço, no entanto, é maior.

Por fim, o tamanho e o formato da caixa acústica também têm impacto no som. Um corpo grande e largo entrega mais graves e mais ressonância do que um corpo fino, por exemplo.

Conforto 

Você já tocou em um violão desconfortável? Caso positivo, você sabe muito bem que, mesmo que o som seja incrível, não há como prosseguir com aquele instrumento. Um bom violão é o que facilita a execução do músico, e não o que gera dificuldades extras.

Um braço muito gordo pode deixar as articulações dos dedos doloridas, enquanto um braço muito fino e estreito pode atrapalhar a separação das cordas. Por isso, escolher um braço que seja confortável ao seu biotipo é primordial.  

Outro fator a ser observado é o tamanho da caixa acústica. Corpos grandes, apesar de terem mais ressonância, podem ser desconfortáveis para algumas pessoas. O importante é o instrumento se encaixar ao corpo do músico de forma que um seja a extensão do outro.

A altura das cordas também é importantíssima. Alguns violões vêm de fábrica com as cordas muito altas, exigindo força exagerada dos dedos. O ideal é deixar as cordas o mais baixo possível sem trastejar. Para isso, levar o violão para um luthier fazer a regulagem é o mais recomendado.

Acústico ou elétrico

Muita gente tem dúvidas na hora de escolher se o violão será acústico ou elétrico. Para resolver esse impasse, basta responder à seguinte pergunta: você pretende usar o violão em apresentações e shows? Caso positivo, opte por um instrumento com captação. Já se você quer só estudar em casa ou tocar para pequenos grupos de pessoas de maneira informal, um violão acústico lhe atenderá muito bem.

Ao escolher um violão elétrico, observe os botões disponíveis no pré-amplificador. Dê preferência aos que têm equalização de pelo menos três bandas e afinador integrado. Dessa forma, você garante que terá recursos e praticidade na hora de fazer shows.

Trastes 

Os trastes nada mais são do que aquelas finas hastes de metal que dividem a escala do violão em casas. Quanto maior o número de trastes, mais notas agudas estarão presentes. Na hora de comprar um violão com cordas de nylon, prefira os modelos com no mínimo 18 casas, assim você poderá tocar a maioria das músicas sem grandes problemas.

Um lembrete: o cutway, aquele corte presente na parte de baixo da caixa acústica de alguns violões, facilita bastante o acesso aos últimos trastes.

Acabamento  

Quem disser que o visual de um instrumento musical não é importante está mentindo, não é mesmo? Lógico que o som e o conforto são fatores mais importantes, porém o tipo de acabamento deve combinar com a personalidade do músico.

Há muitos acabamentos disponíveis no mercado, que vão do natural aos coloridos. Pode-se dizer que os acabamentos do tipo natural têm a tendência de deixar a madeira “respirar” melhor, podendo afetar positivamente o timbre. Outra característica relevante é o tipo de verniz utilizado. O brilhante gera um visual bem interessante, mas pode fazer a mão “agarrar” atrás do braço em movimentos mais rápidos. Já o verniz fosco deixa a pegada mais fluida.  

Perguntas frequentes 

Quais os melhores violões de nylon?

Yamaha e Takamine são algumas das melhores marcas de violões de nylon, porém há muitas outras que produzem bons instrumentos com preço justo no mercado brasileiro, como Giannini, Strinberg e Tagima.

Quais são os melhores violões de nylon em custo-benefício?

Se você está procurando bons violões com preço acessível, olhe com carinho os instrumentos das empresas Giannini, Di Giorgio, Michael e Memphis by Tagima. 

Qual é a melhor marca de violão profissional?

Considerando o panorama mundial, as marcas Martin, Gibson e Taylor estão no topo da lista em vendas de violões.

Qual é o melhor violão: com cordas de nylon ou aço?

A resposta para essa pergunta é clássica: “depende”. Se o músico busca conforto e um som doce, as cordas de nylon são uma grande pedida. Porém, se um timbre mais metálico e agressivo é o objetivo, o instrumentista deve optar pelo encordoamento de aço. 

Qual é a melhor marca de corda para violão?

Considerando as empresas de fora do Brasil, podemos dizer que D’Addario, Elixir e Ernie Ball figuram entre as melhores e mais populares marcas de corda para violão. Falando sobre as fabricantes nacionais, Giannini, NIG e SG são alguns destaques.

Qual o melhor violão com cordas de nylon?

A seguir, confira uma pequena lista com algumas das fabricantes mais conceituadas no segmento de violão com encordoamento de nylon: Yamaha, Takamine e Washburn.

Conclusão: qual o melhor violão de nylon 

Bem, chegamos ao fim do nosso artigo especial sobre os melhores violões com cordas de nylon presentes no mercado brasileiro. Vamos resumir as principais informações que vimos hoje? 

Para escolher o violão de nylon ideal, é importante observar as madeiras utilizadas, se o tampo é sólido ou laminado, o número de trastes, se há sistema de captação e o tipo de acabamento. Dessa forma, você conseguirá avaliar quais fatores são importantes para as suas necessidades musicais. 

Partindo do pressuposto de que você não tem muito dinheiro disponível, destacamos três interessantes opções: o violão Giannini N-14N Nat, bom para iniciantes; o modelo Memphis Tagima AC-39 Natural, com excelente custo-benefício; e o instrumento Michael VMY340 NA, que possui captador. Esses são alguns dos melhores violões de nylon em custo-benefício do mercado. 

Se você conta com uma verba maior e já sabe tocar, talvez um violão de padrão mais elevado caia como uma luva para a sua realidade. Com isso em mente, vale a pena dar uma chance aos seguintes modelos: Washburn C44CE, que conta com ótima seleção de madeiras; Takamine GC3CE, de tampo sólido; e Yamaha SLG200N, que apresenta som elétrico de alta qualidade. Esses instrumentos estão entre as melhores opções de compra quando o assunto é violão de nylon de nível profissional. 

É isso, amigos e amigas! Com todas essas informações, não resta dúvida de que você fará a escolha certa ao comprar o seu próximo violão com cordas de nylon. Nos vemos em breve! Um abraço e bons sons.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.