Início » Teclado Yamaha PSR E263 é Bom? Vale a Pena?
Teclado Yamaha PSR E263 é Bom?

Teclado Yamaha PSR E263 é Bom? Vale a Pena?

Será que o teclado Yamaha PSR E263 é bom? Pois bem, a fabricante é respeitada no mundo todo, mas descobriremos se tal instrumento musical vale a pena. Portanto, fique atento para descobrir todos os detalhes. 

Como se não bastasse, analisaremos teclados de outras marcas, como Spring, M-Audio e Casio. Todas são concorrentes diretas da Yamaha. Dessa forma, você descobrirá qual é o melhor instrumento para a sua rotina. 

Sobre o Teclado Yamaha PSR E263

Teclado Yamaha PSR E263

✅ Ótimo para iniciantes

🚫 Investimento alto

✅ Timbres de alta definição

✅ Teclas sensíveis ao toque

Sendo assim, o Teclado Yamaha PSR E263 é um modelo de entrada, para iniciantes, mas que leva o selo de qualidade da marca. São 61 teclas, equivalente a 5 oitavas, um pouco menor que um piano. No entanto, todas elas são sensíveis ao toque, o que melhora o desenvolvimento da interpretação.

Além disso, suporta até 32 notas de polifonia e tem 384 timbres. Como se não bastasse, tem 16 ritmos e mais de 20 efeitos. Pode ser engatado ao pedal de sustain, dando mais possibilidades sonoras. 

É equipado com metrônomo, transpositor, mudança de afinação e tem entrada para fone de ouvido. Possui auto-falantes embutidos e funciona a pilha. O Teclado Yamaha PSR E262 é um instrumento musical ótimo, ideal para os iniciantes.   

Ficha técnica:

  • 61 teclas sensíveis ao toque
  • 32 notas de polifonia
  • 384 timbres
  • 16 ritmos
  • mais de 20 efeitos
  • Alimentado por pilhas e fonte externa
  • Auto-falantes 

Como saber se o teclado Yamaha PSR E263 é bom?

Há vários caminhos para descobrir se o teclado Yamaha PSR E263 é bom. O primeiro deles você está trilhando, que é ler reviews como esse. Mas não é o único recurso. 

Além disso, você pode pesquisar no Youtube e Google. São ótimos aliados para analisar a qualidade de qualquer produto. Afinal, são os maiores motores de busca de Internet e te mostram informações de especialistas. 

Por fim, há os marketplaces e as plataformas de avaliações dos consumidores. Sendo assim, analise as classificações que os clientes dão nesses sites. Para fechar, veja os resultados no Reclame Aqui. Nesse caso, a Yamaha tem nota 6.8 e 131 reclamações resolvidas. 

Polifonia

A polifonia é um recurso muito comum nos teclados digitais. Assim, representa a quantidade de sons simultâneos que um instrumento suporta. Quanto mais sons, mais definição. Portanto, um teclado com 64 notas de polifonia é melhor do que um com 32. 

Teclas

As teclas são o ponto de contato que você tem com este instrumento. A quantidade é variável, alguns têm 88, enquanto há 61 e até 44. Nos melhores teclados elas são sensíveis ao toque, ou seja, há uma relação entre intensidade do volume com a força do toque. 

Funcionalidades

Um teclado digital está equipado com muitas funcionalidades. Dentre elas, destacamos os timbres, os ritmos, o metrônomo, as músicas pré-salvas, os efeitos, a gravação, etc. São muitas opções, neste caso, quanto mais melhor. 

Alternativas para o Teclado Yamaha PSR E263

Há outras alternativas ao teclado Yamaha PSR E263, algumas são equivalentes, outras são mais simples. No entanto, todas atendem os músicos iniciantes. São acessíveis, fáceis de usar e tem muitos recursos. 

Portanto, vamos ver os modelos da Spring, M-Audio e Casio. Todas as marcas são concorrentes diretas da Yamaha, marca já consolidada no mercado. A seguir, as principais informações desses produtos. 

1. Teclado Estudante Bivolt Tc-261 – Spring

Teclado Estudante Bivolt Tc-261 - Spring

✅ Ótimo para iniciantes

🚫 Timbre de baixa definição

✅ Ótimo custo benefício

✅ Teclas sensíveis ao toque

A primeira alternativa é o TC 261, da Spring. O teclado conta com 61 teclas sensíveis ao toque, ideal para estudantes e iniciantes. Além disso, possui mais de 300 timbres para você explorar. 

Sobre os ritmos, o Tc-261 possui mais de 300. É uma verdadeira biblioteca para melhorar o seu senso rítmico. Aliás, vem com 30 músicas pré-definidas para você tocar junto. 

Para finalizar, possui alguns efeitos, estante para partitura e pode ser plugado a um pedal de sustain. O teclado é ótimo para quem deseja começar a tocar. Aproveite e toque seus primeiros acordes no Tc-261, da Spring.   

Ficha técnica:

  • 61 teclas sensíveis ao toque
  • 300 timbres
  • 300 ritmos
  • 30 músicas pré-definidas
  • Alimentado por pilhas e fonte externa
  • Auto-falantes 

2. Teclado Controlador – M-Audio

Teclado Controlador - M-Audio

✅ Ótimo desempenho em DAW

🚫 Depende da DAW

✅ Teclas sensíveis ao toque

Agora, vamos analisar o Teclado Controlador da M-Audio. Ele é diferente de todos, pois não é do tipo arranjador. Sendo assim, precisa estar conectado a um DAW, ou software de produção musical, para controlar os timbres do programa. 

Dessa forma, vem com 49 teclas sensíveis ao toque, são apenas 4 oitavas, o menor modelo até aqui. Possui os controles de pitch e modulação, que oferecem mais opções de expressão. Tem dois tipos de conexão, USB e MIDI.

Portanto, se você busca melhorar a sua performance de produção musical, ou até de apresentações ao vivo, este instrumento pode te ajudar. Não é indicado para iniciantes. O Teclado Controlador da M-Audio ajuda a construir novos timbres e tocar em instrumentos virtuais.    

Ficha técnica:

  • 49 teclas sensíveis ao toque
  • controlador
  • USB
  • MIDI
  • pitch bend
  • modulation bend
  • knobs e faders para controle

3. Mini teclado 44 teclas – Casio

Mini teclado 44 teclas - Casio

✅ Preço bom

🚫 Não é indicado para profissionais

✅ Indicado para crianças

Por fim, o Mini Teclado da Casio. Um instrumento com 44 teclas, menos que 4 oitavas, dispostas a partir da nota Fá. Cabe destacar que as teclas não são sensíveis ao toque. 

Portanto, é um instrumento voltado para as crianças. Para tal, é um ótimo aliado para a musicalização infantil. Possui 100 timbres, 50 ritmos, 8 notas de polifonia e 10 músicas pré-salvas. 

Além disso, vem com auto-falantes, funciona a pilhas e acompanha um songbook. Os 5 pads de percussão dão mais opções sonoras. Por fim, o Mini Teclado da Casio é ótimo para as crianças. 

Ficha técnica:

  • 44 teclas 
  • 100 timbres
  • 50 ritmos
  • 8 notas de polifona
  • 10 músicas pré-salvas
  • alimentado por pilha
  • auto-falantes

Perguntas frequentes

Qual o melhor teclado para quem está começando a tocar?

Para quem quer começar com o pé direito, o melhor é o Yamaha PSR E263, é bom, as teclas são sensíveis ao toque e tem um preço ótimo. Caso você queira outro modelo, dê preferência ao que tiver teclas sensíveis para desenvolver seu senso de interpretação. 

Qual é o melhor teclado?

Depende do seu objetivo. Há o tipo de teclado arranjador, sintetizador e controlador. Cada um atende tipos de músicos diferentes. No entanto, o Yamaha PSR E263 é bom para os iniciantes.

Quantas teclas o teclado deve ter no mínimo para ser profissional?

Não é o número de teclas que faz um teclado ser profissional, mas sim as suas funções e qualidade do timbre. Contudo, os com 88 teclas abrangem todo o espectro sonora, é a mesma quantidade do piano. Os com 61 são usados por profissionais. 

O que é um teclado arranjador?

O teclado arranjador tem muitas funções. Você pode escolher um ritmo, trocar os timbres e gravar tudo isso. Ele leva esse nome pela possibilidade de arranjar todas as funções. Enquanto isso, o sintetizador é responsável pela síntese sonora e o controlador por controlar os timbres num instrumento virtual. 

Quanto tempo leva para aprender a tocar teclado?

Depende de quão bem você quer tocar. Se quer ser um profissional, você precisa tocar por quase todos os dias por cinco anos. No entanto, se quiser apenas se divertir, 10 minutos por dia já é o suficiente. 

Conclusão: O teclado Yamaha PSR E263 é bom ou não?

Para fechar, a Yamaha é uma marca global, que investe em vários tipos de produtos. Seus instrumentos musicais são ótimos e atendem os músicos profissionais e os amadores. No entanto, outras fabricantes oferecem teclados equivalentes. 

Dessa forma, os instrumentos da Spring, M-Audio e Casio são ótimas opções de compra. No entanto, ainda ficam atrás da concorrente. Sendo assim, o teclado Yamaha PSR E263 é bom, sendo o melhor da lista. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.