Início » Os 7 Melhores Pianos Digitais em 2021

Os 7 Melhores Pianos Digitais em 2021

O piano de cauda é um instrumento simplesmente deslumbrante. No entanto, costuma ser grande e muito caro, ficando restrito a poucos músicos. Para tornar o instrumento mais acessível, foram criados os pianos digitais, que reproduzem com o máximo de detalhes as características de um piano acústico. Aqui neste artigo, separamos os melhores pianos digitais do mercado. 

Você vai conhecer os prós e contras de cada modelo e saber como escolher o equipamento mais adequado para as suas necessidades. Vamos explicar temas como: a diferença entre piano digital e teclado, os níveis de toque, a variedade de efeitos, o que significa polifonia, quais os tipos de pedais e muitos outros. 

E aí, empolgado para entrar no mundo dos pianos digitais? Com este artigo, temos a certeza de que você estará preparado para fazer a sua escolha. Então vamos lá! 

Melhores pianos digitais para comprar online 

A seguir, confira a nossa lista dos melhores pianos digitais do mercado. 

1. Piano Digital CDP-S100 – Casio 

Prós

Contras

✅ Compacto 

🚫 Poucos timbres e opções

✅ Portátil 

✅ Bom preço

Esse instrumento de 88 teclas é bastante compacto para o segmento, pois tem uma estrutura fina de apenas 23,2 cm de profundidade, pesando cerca de 10 kg. Por isso, é ideal para quem precisa levar o piano digital para ensaios e apresentações e não quer gastar muito

Pertence à linha de entrada da Casio e tem polifonia máxima de apenas 64 sons, 10 timbres distintos, 3 tipos de resposta ao toque e 8 efeitos. Ou seja, não tem muitas opções, o que pode limitar o músico em execuções de maior complexidade. No entanto, como ele é mais voltado para iniciantes, isso não é necessariamente um problema. 

Possui 2 alto-falantes de 8 watts de potência sonora e não conta com display. Além de funcionar ligado a tomadas convencionais, o modelo pode ser usado com bateria, o que aumenta a sua portabilidade. 

2. Piano Digital P45  – Yamaha 

Prós

Contras

✅ Sensação de realismo ao toque 

🚫 Poucos timbres e opções

✅ Baixo peso

O modelo possui 88 teclas, 4 tipos de sensibilidade ao toque, polifonia máxima de 64 sons, 10 vozes e 2 alto-falantes de 6 watts de potência, pesando cerca de 11,5 kg. Também pertence à linha de entrada da Yamaha. 

As teclas desse modelo possuem acabamento fosco e peso diferenciado para cada região, o que aumenta a sensação de realismo. Além disso, os sons disponíveis são samples gravados a partir de pianos de cauda reais. Em outras palavras, os timbres são muito realistas, imitando até a reverberação natural do instrumento acústico. 

Por conta das opções limitadas, é ideal para iniciantes que não necessitam de grande variedade de sons ou de uma alta polifonia, mas que não abrem mão de um toque realístico. 

3. Piano Digital Privia PX-S1000 – Casio 

Prós

Contras

✅ Ótimos recursos de polifonia e vozes

🚫 Preço mais elevado 

✅ Sistema bluetooth

Ideal para músicos que já possuem alguma experiência, esse modelo de 88 teclas pertence à linha intermediária da marca, sendo bastante completo, com preço mais elevado do que os anteriores. 

Apresenta 5 níveis de sensibilidade ao toque, polifonia máxima de 192 sons, função de lições, gravador MIDI, 18 timbres integrados e 60 músicas, pesando em torno de 11,2 kg. Ou seja, ainda tem um peso considerado leve, mesmo com tantos recursos. 

Possui 2 alto-falantes de 8 watts de potência e teclas que imitam as madeiras ébano e marfim. Um recurso extra muito bacana é a conexão por sistema bluetooth, que possibilita tocar músicas do celular ou computador nos alto-falantes do piano. 

4. Piano Digital CDP-S150 – Casio

Prós

Contras

✅ Bom custo-benefício 

🚫 Polifonia e timbres limitados

✅ Ótima portabilidade

✅ Gravador MIDI

Outro piano de bom tamanho e peso, pensado para ser levado de um lugar a outro com extrema facilidade. 

Conta com polifonia de 64 sons, 3 tipos de resposta ao toque e 10 timbres diferentes. Com esses recursos limitados, é mais indicado para quem está começando a tocar

Como recursos extras, tem gravador MIDI embutido e é compatível com o pedal opcional SP-34, que possui funções de pedal suave e sustenidas. Oferece ainda 2 alto-falantes de 8 watts, 88 teclas e funciona com bateria. 

5. Piano Digital Arius YDP-103R – Yamaha 

Prós

Contras

✅ Estrutura completa vertical

🚫 Alto preço

Esse é o único piano digital vertical da nossa lista. Resolvemos colocá-lo aqui porque é uma opção que merece ser analisada. 

Os pianos verticais já vêm com a estante e os pedais acoplados, sem contar que a estrutura de madeira é muito bonita. Esse tipo de piano digital é indicado para quem não precisa transportar o instrumento, ou seja, vai deixá-lo em um lugar fixo, sendo capaz de tornar qualquer ambiente mais interessante. 

O modelo conta com 88 teclas, 4 níveis de resposta ao toque, 3 pedais, polifonia de 64 sons e 10 vozes distintas. Além disso, apresenta 10 músicas embutidas e 2 alto-falantes de 6 watts de potência. Requer alto investimento devido à estrutura completa. 

6. Teclado Musical CT-S300C2-BR – Casio 

Prós

Contras

✅ Bom custo-benefício 

🚫 Não simula um piano acústico

✅ Versatilidade

Mesmo que parecidos, os teclados são diferentes dos pianos digitais. Normalmente são mais simples, com menos teclas. São “leves” para tocar e tem maior variedade de sons, incluindo timbres modernos. O preço também é bem menor, por isso incluímos alguns teclados em nossa lista. 

Voltado para o iniciante que não pode gastar muito e deseja boa versatilidade, esse modelo conta com display LCD, 61 teclas, 2 níveis de sensibilidade e polifonia máxima de 48 sons. Ainda oferece 60 timbres e 77 ritmos integrados, com modo Dance Music. 

Com 2 alto-falantes de 2,5 watts de potência, pesa cerca de 3,3 kg e tem um valor bastante em conta se comparado a pianos digitais. 

7. Teclado Musical CT-S200RDC2-BR – Casio 

Prós

Contras

✅ Baixo preço 

🚫 Pouco realismo ao toque 

✅ Belo acabamento

Se você não tem muito dinheiro disponível e chegou à conclusão de que ainda não é a hora de investir em um piano digital, olhe com carinho para esse teclado. 

O modelo, que é o mais barato de nossa lista, possui 61 teclas, polifonia máxima de 48 sons, 60 timbres e 77 ritmos embutidos. Tem 2 alto-falantes de 2 watts, display e modo Dance Music, além de estar disponível em 3 acabamentos diferentes: vermelho, branco e preto. 

É bastante leve e compacto, com pouco mais de 3 kg. Vem acompanhado de suporte de partitura. 

Para que serve o piano digital?

Um piano de cauda é um instrumento maravilhoso, mas inviável para a maioria das pessoas. Devido ao grande tamanho e preço elevado, a verdade é que poucos felizardos podem bancar um piano acústico. 

Pensando nisso, foram criados os pianos digitais. Diferentemente dos teclados, os pianos digitais buscam se aproximar ao máximo da experiência de tocar com um piano acústico. Por isso, eles costumam ter 88 teclas, que são pesadas e texturizadas, além de timbres bastante realistas. 

Por serem digitais, precisam de fonte de energia. Logicamente, os pianos digitais não são tão robustos quanto os de cauda, mas são muito mais portáteis e não precisam de manutenção e afinação constantes.

Como escolher o melhor piano digital 

Com tantas opções, é normal ficar um pouco confuso na hora de comprar um piano digital. Abaixo, listamos alguns fatores que podem ser decisivos na sua escolha. 

Níveis de toque

Um piano acústico tem as teclas pesadas. Dependendo da força aplicada, o som é diferente. Para tentar simular esse aspecto, os pianos digitais costumam ter variados níveis de toque. Prefira os modelos com a maior quantidade, como 5 níveis, pois assim você terá mais opções e versatilidade.

Números de pedais 

Normalmente, os pianos digitais podem ter três opções de pedais, que controlam diferentes aspectos. O pedal de sustentação, como o nome sugere, prolonga a duração de todas as notas. O pedal de surdina, por sua vez, deixa o som mais suave (também é chamado de una corda). Já o de sostenuto sustenta apenas as notas que são tocadas no momento em que o pedal é acionado. 

Recursos extras 

Um ponto a ser observado na hora da compra são os recursos extras do piano digital. Eles podem representar características que facilitam a prática e o aprendizado, como display integrado, músicas embutidas, modo de lições, gravador MIDI, conexão bluetooth, suporte de partitura e por aí vai. 

Normalmente, quanto mais recursos, mais caro é o piano digital. Avalie bem, portanto, quais recursos serão de fato úteis para você.

Qualidade do Som 

Alto-falantes estéreo embutidos 

Pianos digitais costumam ter alto-falantes embutidos no aparelho para que o músico possa se ouvir. Quanto maior a potência em watts, maior será o volume total do instrumento.

Polifonia 

É a capacidade de um piano digital reproduzir sons ao mesmo tempo, simulando um instrumento acústico. Portanto, quanto maior o número de sons polifônicos, mais realista será o timbre final do piano digital.

Variedade de efeitos 

Se você gosta de explorar novos sons, fique atento a quantos efeitos estão disponíveis em um piano digital. Um efeito de reverb, por exemplo, pode dar uma profundidade muito interessante ao som, estimulando a criatividade.

Pedais 

Existem opções de piano digital apenas com o pedal de sustentação, mas o instrumento pode apresentar até três pedais: sustentação, surdina e sostenuto. Escolha a quantidade de pedais de acordo com a sua prática e experiência.

Vozes

As vozes são os tipos de timbre que o piano digital apresenta. Quanto mais vozes, mais versátil será o instrumento. Algumas vozes comuns são: piano acústico, piano elétrico e órgão.

Piano Vertical x Piano Portátil

Piano digital vertical é aquele que já vem acoplado a uma estrutura de suporte de madeira com pedais. Por isso, costumam ser pesados e mais caros. São indicados para quem pretende deixá-los fixos em um só lugar, tornando-os parte do ambiente. 

O portátil, no entanto, vem sem estrutura, apenas o piano mesmo. É mais barato e ideal para quem precisa transportar o instrumento para diferentes lugares.

Piano Digital x Piano Acústico 

Um piano acústico é aquele que não precisa de alimentação elétrica para funcionar. Um piano de cauda tradicional, que vemos em orquestras, por exemplo, é um piano acústico. Ele emite sons a partir da vibração das cordas, que são acionadas pelos martelos ligados às teclas. Pianos acústicos são instrumentos incríveis, mas grandes, pesados e caros. 

Pianos digitais não possuem cordas, mas um circuito digital que simula os sons de um piano acústico. Os digitais também buscam replicar a sensação de toque dos acústicos, com teclas mais pesadas e texturizadas. Pianos digitais são instrumentos mais portáteis e baratos do que os pianos acústicos.

Piano Digital x Teclado Digital 

Um teclado não necessariamente tem a intenção de simular a experiência de um piano acústico. Por isso, costumam ter menos teclas, que também são mais leves ao toque. Ainda apresentam timbres variados e modernos, como sons exóticos de sintetizador e acompanhamentos rítmicos, por exemplo. 

Já o piano digital tenta se aproximar ao máximo das características de um piano de cauda. Tem 88 teclas pesadas e timbres mais tradicionais que se aproximam muito do piano real. É indicado para quem realmente busca uma experiência próxima à de um instrumento acústico.

Perguntas frequentes 

Qual é a melhor marca de piano digital?

Casio, Yamaha e Roland são algumas das melhores marcas de piano digital presentes no mercado musical. Todas elas fabricam modelos de diferentes preços e níveis, do iniciante ao avançado.

Quanto custa um piano digital e um teclado em 2021?

O preço de um piano digital depende de sua complexidade de recursos e construção, mas, de forma geral, costuma variar entre R$ 1.500 e R$ 8 mil. Em relação aos teclados, é possível encontrar instrumentos mais simples por menos de R$ 1 mil.

Qual o melhor: teclado ou piano digital?

O piano digital é um instrumento mais complexo, que tem o objetivo de ter características similares às do instrumento acústico. Já os teclados são mais simples, com menos teclas e timbres menos realistas.

O que é a polifonia em um piano digital?

A polifonia representa a capacidade de um piano digital emitir sons simultaneamente. Quanto maior a polifonia, mais a resposta de um piano digital se aproxima da de um acústico.

Qual a melhor marca de teclado: Casio ou Yamaha?

Ambas são equivalentes e bastante tradicionais. Para fazer sua escolha, analise as especificações de cada modelo específico para saber qual se adequa melhor às suas necessidades.

Qual a marca de piano digital mais cara?

Todas as marcas de piano digital possuem modelos mais caros, como Casio, Yamaha e Roland. Os pianos verticais costumam ser os de preço mais elevado, pois vêm com a estrutura completa.

Onde comprar um piano digital ou teclado?

Na internet, a Amazon é uma das lojas mais confiáveis para compras de instrumentos musicais. Ela possui um excelente acervo de pianos digitais de marcas renomadas, como Casio e Yamaha. 

Conclusão: qual o melhor piano digital

Para quem ama pianos de cauda, mas não tem espaço ou dinheiro suficiente para adquirir um exemplar, os pianos digitais são uma grande alternativa. O melhor piano digital é aquele que se adequa às suas necessidades – veja nosso resumo a seguir. 

Se você precisa transportar o instrumento para vários lugares, escolha um modelo portátil. Atente bem para os recursos de polifonia, número de sons e potência dos alto-falantes. Conforme detalhamos neste artigo, o modelo Casio Privia PX-S1000 é um dos melhores pianos digitais do mercado. Já o Yamaha P45 está na lista dos melhores pianos digitais em custo-benefício. 

Já se você pretende deixar o instrumento fixo, talvez um piano digital vertical seja interessante. Nesse segmento, o modelo Yamaha Arius YDP-103R é uma das melhores opções de compra. Mas lembre-se de que ele é grande, pesado e mais caro. 

Já se você não faz questão de ter uma experiência próxima à de um piano acústico, os teclados podem ser uma boa alternativa. Costumam ser mais baratos e bastante versáteis, como os modelos da Casio CT-S200RDC2-BR e CT-S300C2-BR, que estão entre os melhores teclados baratos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *